Divas da Música

Música (do grego μουσική τέχνη - musiké téchne, a arte das musas) constitui-se basicamente de uma sucessão de sons e silêncio organizada ao longo do tempo. É considerada por diversos autores como uma prática cultural e humana. Atualmente não se conhece nenhuma civilização ou agrupamento que não possua manifestações musicais próprias. Embora nem sempre seja feita com esse objetivo, a música pode ser considerada como uma forma de arte , considerada por muitos como sua principal função .



Divas e Música
Diva é aquela mulher que, Maravilhosa que se destaca de todas as outras. Destacamos aqui Divas da Música ,Vozes femininas envaidecem, embeleza a melodia das Músicas com suas graciosidades pessoais,suas Extensões vocais Femininas,ou simplesmente sua arte na Música, a magia que elas envolve certas músicas e a relação que se estabelece com elas juntamente a técnica ea sensualidade.

Videos,Biografia e Fotos das divas da música

Videos,Biografia e Fotos das divas da música

A-Z AOL Music Video Search

Qual sua Cantora preferida Internacional?

Qual a Sua Cantora Preferida Nacional?

As 10 primeiras vencedoras da 1º Enquete Qual sua Cantora Favorita

As  10 primeiras vencedoras da 1º Enquete Qual sua Cantora Favorita

Joss Stone 1º Lugar

Joss  Stone  1º Lugar
69 Votos

Tarja Turunen 2º Lugar

Tarja Turunen 2º Lugar
68 Votos

Simone Simons 2º Lugar

Simone Simons 2º Lugar
68 votos

Sharon den Adel 2º Lugar

Sharon den Adel 2º Lugar
68 Votos

Cristina Scabbia 2º Lugar

Cristina Scabbia 2º Lugar
68 Votos

Amy Lee 3° Lugar

Amy Lee 3° Lugar
67 Votos

Floor Jansen 4° Lugar

Floor Jansen 4° Lugar
66 Votos

Alicia Keys 5°Lugar

Alicia Keys 5°Lugar
64 Votos

Fergie 6° Lugar

Fergie 6° Lugar
63 Votos

Amy Winehouse 7° Lugar

Amy Winehouse 7° Lugar
58 Votos

Laura Pausini 8º Lugar

Laura Pausini 8º Lugar
55 Votos

Alanis Morissette 8° Lugar

Alanis Morissette 8° Lugar
55 Votos

Norah Jones 8° Lugar

Norah Jones 8° Lugar
55 Votos

Celine Dion 9º Lugar

Celine Dion 9º Lugar
50 Votos

Carrie Underwood 9º Lugar

Carrie Underwood 9º Lugar
50 Votos

Kelly Clarkson 10º Lugar

Kelly Clarkson 10º Lugar
47 Votos

As 3ª Vencedoras da Enquete Qual Sua Cantora Favorita Nacional

As 3ª Vencedoras da Enquete Qual Sua Cantora Favorita  Nacional

Liriel domiciano 1º Lugar

Liriel domiciano 1º Lugar
41 Votos

Maria Rita 1º Lugar

Maria Rita 1º Lugar
41 Votos

Marisa Monte 2º Lugar

Marisa Monte 2º Lugar
40 Votos

Vanessa da Mata 3° Lugar

Vanessa da Mata 3° Lugar
34 Votos
A voz mais aguda atualmente pertence à brasileira Georgia Brown, que emite até o Sol 10, também se torna inaudível ao ouvido humano e não é emitida por nenhum tipo de instrumento, sendo captada apenas por frequenciador.
No repertório clássico a nota mais aguda para um soprano é um Sol5 na obra I Popoli di Tessaglia, de Mozart.
O contralto Clara Butt emitia um Dó2, exatamente como Pauline Viardot.
A poderosa Yma Sumac emitia um Si bemol 1.
O Contralto Marian Anderson, em uma gravação de Schubert, Der Tod und das Mädchen, emite um Dó#2.
Soprano é o nome do registro da voz (ou naipe) feminina mais aguda.
A voz de soprano normalmente recobre a extensão do Dó3 ao Dó5 (os números correspondem às oitavas do piano). Em termos gerais, corresponde à faixa de emissão do tenor, no caso masculino, e é o mais alto, ou seja, o mais agudo dentre os registros femininos, distinguindo-se desse modo das vozes de mezzo-soprano e de contralto.
Usualmente, apenas adultos do sexo feminino são capazes de emitir confortavelmente notas na altura correspondente à faixa de um soprano, pois as pregas vocais dos homens engrossam após a puberdade, produzindo vozes mais graves. Por meio de técnica especial que envolve o emprego do falsete, alguns cantores líricos ainda se especializam em papéis de soprano, e são, por isso, denominados sopranistas. As vozes infantis são, por vezes, denominadas sopraninos.
Na ópera, existem diferentes classificações para sopranos, que levam em consideração não apenas a altura e a coloração da voz, mas também certas habilidades técnicas exigidas para desempenhar certos papéis. Nas escolas francesa e alemã, são classificadas de um jeito diferente usando classificações especiais e classificando por categorias, que chega a abranger de dois a tres timbres diferentes. As classificações por timbres são:
Soprano ultra leggero
Soprano leggero
Soprano lírico-leggero
Soprano lírico
Soprano lírico-spinto
Soprano lírico-dramático
Soprano dramático
Soprano de carácter
Soprano Popular
Obtido em "http://pt.wikipedia.org/wiki/Soprano"

M de Mulher

Seus Malabarismos Mágicos Manipulam Marionetes.Meninas, Mães, Madres, Marquesas e Ministras.Madalenas ou Marias.Marinas ou Madonas.
Elas são Manhãs e Madrugadas.Mártires e Massacradas.Mas sempre Maravilhosas, essas Moças Melindrosas.
Mergulham em Mares e Madrepérolas, em Margaridas e Miosótis.E são Marinheiras e Magníficas.
Mimam Mascotes.Multiplicam Memórias e Milhares de Momentos.Marcam suas Mudanças.
Momentâneas ou Milenares, Mudas ou Murmurantes,Multicoloridas ou Monocromáticas, Megalomaníacas ou Modestas,Musculosas, Maliciosas, Maquiadoras, Maquinistas,Manicures, Maiores, Menores, Madrastas,Madrinhas, Manhosas, Maduras, Molecas,Melodiosas, Modernas, Magrinhas.São Músicas, Misturas, Mármore e Minério.Merecem Mundos e não Migalhas.Merecem Medalhas.São Monumentos em Movimento, esses Milhões de Mulheres Maiúsculas.



Mulher...Tens sete sentidos
Sete chaves de poder Mulher...
Mística flor, pétala serena
Seiva suave de uma árvore suprema Indecifrável mulher... Força felina e manhosa Mulher frágil e poderosa Sobretudo mulher...
Um sopro de vida no mundo Alma do sonho e da dor
És assim quase perfeita
Perfeita dádiva do Criador...

domingo, 26 de outubro de 2008

Jordin Sparks










































Jordin Brianna Sparks (22 de Dezembro de 1989) é uma cantora pop americana. Em 23 de Maio de 2007 ela foi declarada vencedora da sexta temporada do reality show American Idol. Aos 17 anos, ela foi a vencedora mais jovem da história do programa a vencer o American Idol.Filha de um ex-jogador de futebol americano do New York giants e The Dallas, Jordin Sparks começou sua carreira cedo.
Aos três anos de idade, já estava cantando. Começou a se apresentar mais tarde em escolas e igrejas durante o ensino médio e desde então, se apaixonou pelos palcos, e pelo fato do pai lidar com mídia e público, ela não tem nenhum problema com grandes públicos e a mídia, isso a fez ficar mais natural diante de câmeras e a ganhar o amor do público devido sua doçura.
Depois da aposentadoria de seu pai, sua carreira começou a deslanchar. Ela começou a cantar em igrejas com mais freqüência e começou a cantar e atuar com a companhia de teatro Valley Youth Theater, e com 12 anos, ela ganhou o prêmio de “Artista Revelação de Arizona”, em 2002, premio dado pela Coca Cola. Em 2003, ela ganhou outros vários shows de talentos, e virou famosa nos clubes do Arizona.
Ela então começou nos reality shows de música mais tarde. Participou do CBS’s Star Search, America’s Most Talented Kid e do American Juniors, sendo semi finalista em todos eles.
No inverno de 2003, ela ainda gravou um projeto independente intitulado For Now, produzido pela lenda gospel Matthew Ward, e gravado no Rosewood Studios in Tyler, no Texas.
Era um EP com 5 músicas pop, onde Jordin já mostrava talento e apontava o sucesso.
Em 2004, por For Now, ela foi indicada à um prêmio Gospel, ficando em 2º lugar e participou de tours de natal e shows de talentos, ganhando alguns deles.
Em 2006, ela se dedicou à escrever novas músicas e gravar de novo. Ela fez covers de músicas como Give me one reason, música que ela cantaria mais tarde no American Idol. Ainda nesse ano, ela ganhou o título de “Ídolo do Arizona”, ganhando uma viagem até Seattle, onde ela pode participar da audição do American Idol.
Em 2007, Jordin conseguiu seu passaporte para a fama. Participando da 6ª edição do American Idol, foi aprovada na audição e logo seguiu pro Top 24. Foi passando etapa por etapa, crescendo dentro da competição, até chegar à final.
Na final, ela cantou com Ruben Studdard e Blake, e acabou o vencendo numa votação recorde de 74 milhões de votos, sendo nomeada a mais jovem candidata a vencer o American Idol.
Ainda em 2007, ela participou de diversos TV shows e Awards, sempre encantando a todos e ganhando cada vez mais fãs.
Fez a “American Idol Tour” com os outros candidatos, na qual, ela foi destaque cantando quase tudo e até tocando violão.
Em 20 de Novembro de 2007, é lançado seu 1º CD homônimo, pela Jive Records, com produção de Stargate, Underdogs e Walter Afanasieff e com participação de Chris Brown, o CD estreou em 10º lugar nos EUA, e seus singles são sucessos.